O Estranho Mundo de Jack - Pobre Jack [2 ª Versão]


 O que eu fiz?
O que eu fiz?
Como pude
Ser tão rude?
É o fim.

O que eu fiz?
Tudo em vão.
Tudo em vão.
Tudo aqui
Se perdeu.

O que eu fiz?
O que eu fiz?
Num futuro distante
Lembrarão deste arrogante.

E então
Só dirão:
Aqui jaz o pobre Jack.

Mas eu nunca imaginei
Esta loucura.
Nunca.
Ninguém jamais
Realmente compreenderá
Que algo de maravilhoso
Eu quis proporcionar.
Porque nada
É como se imaginou.

Bem, vejam só
Eu fiz o meu melhor.
E eu sei que igual a mim
Não há ninguém.

E, mesmo que em vão,
Senti a minha mão
Tocar o céu
E esta história não vão esquecer.

Pela primeira vez
Eu pude me sentir
Cheio de vida
E livre pra decidir.

E eu, Jack,
O Rei do Horror.
Ah, é!
Eu sou o Rei do Horror.

E eu sei que todos
Vão gritar pra mim
Quando virem
O que eu vou preparar pro Halloween.

E, por Deus,
Eu juro que vai ser de arrasar.
Espere um pouco,
Espero que haja tempo de remediar.
Papai Cruel!

Comentários

Postagens mais visitadas deste blog

Festa no Céu - Te Amo Demais

Cinderela - Canção dos Ratinhos

Festa no Céu - Canção do Perdão