Branca de Neve e os Sete Anões - Burr, Burr, Burr


Alcancem a tina,
Sem nada recear.
Levantem as mangas,
Pra não as molhar.
Com água bem clara,
Esfreguem a cara assim:
Burr, burr, burr.

Peguem o sabão,
Sem que escape da mão.
Vão esfregando
Que logo vai se formando
A espuma que vai limpando,
Enquanto ficam bufando assim:
Burr, burr, burr.

Vão mergulhando e se ensopando.
Vão saltitando, mas vão se lavando.
Vão se sentir molhados e com frio,
Mas terão que admitir que é um hábito sadio.
Se enxarquem a vontade, vão se espalhando
E quando terminarem estarão todos brilhando.

{Zangado}
Bando de idiotas,
Vocês me fazem pena com esse:
Burr, burr, burr.


(Assobios)


{Mestre}
Não deixem de ensaboar...
Não deixem de esfregar...
Quero vê-lo brilhar
Quando o banho terminar.

{Todos}
Quando o banho terminar
Nosso amigo vai brilhar e vai...
Burr, burr, burr.

Comentários

Postagens mais visitadas deste blog

Festa no Céu - Te Amo Demais

Cinderela - Canção dos Ratinhos

Festa no Céu - Canção do Perdão